Curitiba gerou 36 mil empregos com carteira assinada até setembro

Curitiba gerou 36 mil empregos com carteira assinada até setembro. Foto: Levy Ferreira/SMCS

Curitiba gerou 36.043 empregos com carteira assinada de janeiro a setembro de 2022, de acordo com os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados nesta quarta-feira (26/10) pelo Ministério do Trabalho. A cidade foi a quinta do País em número de empregos gerados, atrás de São Paulo (185.273), Rio de Janeiro (90.790), Brasília (45.719) e Belo Horizonte (43.816).

O saldo nos oito meses foi gerado por um total de 400.100 contratações e 364.057 demissões no período. Em setembro, o saldo foi positivo em 260 vagas, resultado de 38.577 contratações e 38.317 demissões.

Serviços

No acumulado do ano, o setor de serviços foi o campeão de vagas, com a abertura de 30.831 novos empregos. O comércio veio em segundo lugar, com 2.305, a indústria em terceiro, com 1.962, seguida por construção, com 866, e agropecuária, com 79 novas vagas. Curitiba gerou, sozinha, 26% das vagas do Paraná.

"Estamos mantendo o ritmo de aceleração da economia e os esforços têm dado frutos na forma de empregos com carteira assinada para o trabalhador curitibano", diz o prefeito Rafael Greca.

A Prefeitura vem desenvolvendo, desde o período mais intenso da pandemia, uma série de ações para estimular a economia e acelerar o mercado de trabalho, com capacitação de trabalhadores e empreendedores, além de melhoria no ambiente de negócios.

Entre as ações, destaque para os Liceus de Ofícios, da Fundação de Ação Social (FAS), que promovem cursos e preparam para o mercado de trabalho quem está em busca de qualificação. 

Liceu de Ofícios oferece 1.010 vagas para cursos gratuitos em novembro

Já os Espaços Empreendedor da Agência Curitiba dão suporte a microempresários e microempreendedores individuais. O Programa 1º Empregotech 2022, por sua vez, oferece qualificação na área de tecnologia com aulas e oficinas.

Da Lei do 5G a incentivos fiscais, as ações inovadoras de empreendedorismo de Curitiba

Jovens do Empregotech visitam ecossistema de inovação da PUC

Fab Lab Cajuru, laboratório de fabricação por prototipagem, por sua vez, vem gerando novas oportunidades para estudantes, empresas e comunidade, que podem compartilhar conhecimentos e colocar em prática ideias inovadoras.

Para melhorar o ambiente de negócios e facilitar investimentos, a Prefeitura ampliou, em março de 2022, o número de atividades incluídas na lei de liberdade econômica de 545 para 606. A lei prevê a dispensa de alguns alvarás para atividades de baixo risco, facilitando o processo.

O município também prorrogou o prazo de pagamento de impostos e promoveu um programa de refinanciamento, o Refic-Covid-19, que permitiu o parcelamento de débitos em até 36 meses, entre outras atividades.

Ruas da Cidadania Boqueirão, Pinheirinho e Matriz têm mutirão de emprego em Curitiba

Veja aqui como procurar emprego com ajuda do município